#Diário De Um Estudante #9

Publicado em

2012-11-02 21.46.08

O relax vem a propósito do retorno (dito assim parece que estou a falar do retorno de um filme – como mais à frente falarei) de umas dores que tinha e agora tenho perto do coração. Algo realmente triste – o que o raio dos músculos conseguem fazer…

Agora, vejam bem, o tempo tem estado horrível em que não sabemos se acordamos com chuva ou sol. Vento ou chuva. O resultado disso foi um domingo sem internet em que deu para escrever 5 páginas do meu livro e que contente que fiquei!

2012-11-02 21.49.172012-11-03 20.28.512012-11-03 20.33.48

A acompanhar no jantar depois do momento de prazer foram castanhas (na verdade não é das minhas coisas favoritas, mas pronto, é tipo, como! Não me casa qualquer confusão e dá para aquecer (queimas na verdade) as mãos ao descascá-las! (Também têm as vossas experiências? Conte aqui à malta).

 

Depois deste resumo do mais importante vamos para o dia que foi ontem: Dia da Visita de Estudo a Mafra, mais propriamente ao Palácio e Convento de Mafra construído pelo D. João V com o dinheiro que vinha do Brasil (outro que, para variar, não é nosso e, cá em Portugal temos tipo um lema, tipo, algo do tipo: Gatemos o que não temos!

DSC_1830DSC_1831DSC_1832

O mau de tudo mesmo foi o frio e vento que se montou em Mafra – Lisboa. Numa semana em que Segunda e Terça foram de calor e hoje do mesmo, claro que o meio da semana tinha que ser… o quê? : Gelado pois claro.

Dessa memória formidável a melhor foi da minha aventura no chapéu-de-chuva de uma aminha minha a correr até ao autocarro, buscar as mochilas em que, no meio da correria, corremos, o chapéu manifestou-se, eu levei com uma vareta. Ela gritou, eu tapei os ouvidos. No final acabamos por ficar derrotados face ao vento e ficar tipo… 101 Dálmatas! (Seu eu estiver a dizer muitos tipos, tipo, avisem, tá?).

O mais engraçado é que essa minha amiga impôs um limite:

– É que é tipo, ou é vento ou chuva. Os dois não! Foi mesmo isto que ela disse e até que tinha razão.

Perguntam vocês onde almoçamos não é?

Nesse chão:

DSC_1831

A levar com o frio e a chuva que vinha a troto e a direito. Das coisas boas foi estarmos sentados, a turma toda junta, como uma grande e grande família a fazer um piquenique gigante. (Só viso).

Voltando ao palácio…. Esta fotografia tirada por mim, era o trajeto que o rei teria que percorrer até à rainha para “exercer” a sua “função” (se é que me estou a fazer entender Smiley sarcástico )

DSC_1832

Eram quantos?… Já sei: 230 metros. Isto, sem contar os degraus que subimos e descemos lá dentro: uma pura tortura.

Que mais tenho a dizer?…

(I Know):

– Esta é a voz, é tudo, por agora…

(Já viram o trailer do regresso dos dinossauros ao cinema? em 3D?)

di

LI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s