Notícias

Pessoas Inteligentes Comem Muito Chocolate

Publicado em Atualizado em

Se forem ao meu instagram chocolate é coisa que lá não falta, pelo que imaginem a minha alegria ao ler a notícia de que “Pessoas Inteligentes Comem Muito Chocolate”?

choco

 

Carrega na imagem para saberes mais

E vocês? Com que frequência comem chocolate? Também estão num bom caminho para o Nobel?

O planeta Terra visto de Marte

Publicado em

Foi esta semana que foi revelada uma imagem tirado pelo robô Curiosity que foi enviado para Marte em 2011 e, lá aterrou em Agosto de 2012.

Parece que foi a vez de o “nosso companheiro” levar os “olhos” ao céu. O resultado está aí, uma fotografia de um ponto minúsculo mas que, sendo minúsculo ou não, faz toda a diferença.

2014-02-08190928_f7664ca7-3a1a-4b25-9f46-2056eef44c33$$72F445D4-8E31-416A-BD01-D7B980134D0F$$949C5F07-109C-4E42-9EAB-8695725B86B9$$storage_image$$pt$$1

 

 

 

A Criação das Memórias… O 1º Vídeo!

Publicado em Atualizado em

Eu sou um grande amante de psicologia e de toda a ciência em si, tal como já sabem desde o início do blog (em Agosto de 2012… onde já vai), pelo que fico mesmo feliz em partilhar com vocês uma notícia que vi no decorrer da noite de ontem. Primeiro, mostro-vos uma imagem:

6a00d8341bf67c53ef01a3fcafa16c970b-320wi

Sabem para o que estão a olhar? Pois bem, tal como referi no nome do post, é, nada mais, nada menos, que a criação de uma memória. Bastante engraçado, não é?

Eu vou traduzir a notícia que é pequenina para vocês, se quiserem podem ler a original aqui (inglês):

Pela primeira vez, cientistas capturaram o cérebro a criar memórias em tempo real

Por: Erin Ruberry

Falamos muito sobre fazer memórias para que essas durem uma vida inteira … mas como é que o cérebro realmente faz as memórias?

Investigadores de Albert Einstein College of Medicine utilizaram técnicas avançadas de imagem para visualizar a forma como o cérebro  transforma moléculas em memórias . Em pesquisas realizadas com ratos, os cientistas marcaram com “tags” (N.T.: marcadores) fluorescentes o mRNA da beta-actina (N.T.: proteínas) que são as ” moléculas envolvidas no processo de “fazer” memórias . ”

anúncio :

“Na pesquisa descrita, os pesquisadores, estimulado neurónios do hipocampo do rato, onde as memórias são feitas e armazenadas, seguiram os marcadores fluorescentes, vendo-os formar moléculas de mRNA beta-actina nos núcleos de neurónios e a viajar dentro de dendrites. Eles descobriram que o mRNA nos neurónios é regulada por meio de um novo processo descrito como “mascaramento” e “desmascaramento” (“masking” and “unmasking”), que permite que a proteína beta-actina seja sintetizada em horários e locais específicos e em quantidades específicas. “

“Soa a algo como um computador a armazenar os dados num disco rígido!” escreveu Gizmodo .

Vê o vídeo:

(Eu mantive as hiperligações que estão na notícia original, mas tenham em nota que estão em inglês)

Os marcadores fluorescentes (“os cientistas marcaram com “tags” fluorescentes o mRNA da beta-actina”) são utilizados para que os investigadores consigam seguir a proteína em estudo facilmente.

O que acharam? Interessante, não é? E ao mesmo tempo engraçado.

#PlanetEarthIsYou – Um Vídeo Que Todo o Ser Humano Deveria Ver

Publicado em

Listen to me, please. You’re like me, a homo sapiens, a wise human. Life, a

miracle in the universe, appeared around 4 billion years ago. And we humans

only 200,000 years ago. Yet we have succeeded in disrupting the balance so

essential to life. Listen carefully to this extraordinary story, which is yours, and

decide what you want to do with it.

Se existe coisa por qual gosto de falar e ver é sobre o sítio onde tu estás neste momento. Não, não é um sítio, é mais que isso. E não, não é a tua casa, mas é onde ela está assente. Pergunto-me se já pensaste onde estás. A sério! Já pensaste verdadeiramente onde estás ou é completamente irrelevante?

Nos dias de hoje, se há coisa que não vemos é falar sobre o planeta que nos acolhe e em que tivemos a sorte de nos “acolher”. E o que é que fazemos com ele? Qual o agradecimento que damos à nossa verdadeira” casa”? Eu sei a resposta: é destruição, É destruição, guerras, poluição, desrespeito pela vida florestal e animal e, tudo isto, para satisfazer os caprichos daquele que é o ser mais inteligente à superfície da Terra: o ser-humano. Pois bem, muito sinceramente, de inteligência não temos nada quando caminhamos sobre “a nossa casa” como “baratas tontas”, destruindo tudo aquilo que nos é dado e sem dar valor a elas.

Aqui está um vídeo que vi (obrigado Facebook por existires e conseguires espalhar a palavra), e que todos nós deveríamos ver e pensar realmente. Eu sei que, nestes casos, palavras não fazem nada, mas sim as ações, e uma delas é começar por tomar consciência daquilo que “estamos” a fazer, à nossa casa, Ao nosso planeta. Ao Planeta Terra:

 

O documentário HOME que todos nós deveríamos ver:

Listen to me, please. You’re like me, a homo sapiens, a wise human. Life, a
miracle in the universe, appeared around 4 billion years ago. And we humans
only 200,000 years ago. Yet we have succeeded in disrupting the balance so
essential to life. Listen carefully to this extraordinary story, which is yours, and
decide what you want to do with it.

Os Mitos e Crenças na Saúde – Vamos Desvendar Alguns

Publicado em Atualizado em

Na verdade, o artigo foi escrito por   Carla Mateus, com entrevista a José Agostinho Santos e Rui Cernadas, médicos de medicina geral e familiar, no que toca a desfazer alguns mitos que existem e ralçar outros que pensamos, eventualmente, serem mitos.

Captura de Ecrã (80)

Do que vamos falar?

– Deve-se beber cerca de oito copos de água por dia?
– Andar ao frio com a cabeça molhada provoca constipações?
– Ler em andamento provoca descolamento de retina?
– Beber leite morno ajuda a adormecer?
– Comer muitos doces provoca diabetes?
– O álcool
– Estalar os dedos provoca artrite?
– Tomar banho após comer faz mal?
– O café melhora a ressaca?
– É fácil perceber que estamos a ter um ataque cardíaco
-Vitamina C previne gripes e constipações?
-Bactérias no corpo é sinal de doença?
– Comer banana evita cãibras?

Vamos começar? Foi retirado do site do MSN Portugal, e podem consultar o artigo aqui

A vitamina C previne gripes e constipações, comer muitos doces causa diabetes e tomar banho após comer faz mal. Estas são algumas das crenças que são transmitidas de geração em geração. Mas será que têm algum fundamento científico ou não passam de simples mitos? Descubra a seguir.

Sempre que nos queixamos sobre a nossa saúde, seja no escritório, com a família ou com o grupo de amigos, há sempre alguém com um conselho milagroso que garante resolver o problema. Poucas pessoas sabem como eles surgem ou de onde eles vêm. Alguns são ensinados dentro de casa, muitas vezes pelas nossas mães e avós; outros são transmitidos pela Internet, pela televisão e outros meios de comunicação.

O facto é que estas ideias feitas são passadas de geração em geração e acabam por se tornar verdades inabaláveis. No entanto, na maioria das vezes, estas crenças não têm qualquer fundamento científico. São apenas uma mistura de meias verdades com sabedoria popular.

E se existem crenças que, embora falsas, são inofensivas e até protegem dos excessos, há outras que representam um risco para a saúde. Conscientes de que esses conceitos representam uma séria ameaça para a saúde pública, dois pediatras e investigadores da Universidade do Indiana, Aaron Carroll e Rachel C. Vree­man, publicaram, ao longo da última década, uma série de artigos na revista British Medical Journal destinados a deitar por terra alguns mitos urbanos em que até os próprios médicos acreditam.

Diz a sabedoria popular que “cuidados e caldos de galinha, nunca fizeram mal a ninguém”, mas nem sempre o povo tem razão. E nem sempre devemos acreditar naquilo que ouvimos. Para Rui Cernadas, especialista de medicina geral e familiar, o que “importa é ter conhecimento claro e deixar as ideias bem precisas, desmistificando o que for necessário e formando uma literacia adequada à promoção da saúde”. Por isso, com a sua ajuda e com a de José Agostinho Santos, também médico de medicina geral e familiar, aliada à informação científica existente, o MSN Saúde procurou desmistificar alguns dos mitos e meias verdades sobre saúde que sobreviveram à passagem do tempo.  

Deve-se beber cerca de oito copos de água por dia

Ao que parece temos andado enganados. Segundo José Agostinho Santos, “uma boa hidratação oral é necessária ao organismo, porém, o limiar da boa hidratação é variável de acordo com cada pessoa. O conceito dos ‘oito copos’ não tem qualquer fundamento científico válido, pelo que não se corre qualquer risco se não se ingerir os tais oito copos diários de água”. 

Suspeita-se que esta popular recomendação possa ter surgido em 1945, quando o Conselho Nacional de Pesquisa dos Estados Unidos da América (E.U.A.) recomendou que adultos deveriam consumir 1 mililitro de água para cada caloria de alimento consumido, o que se aproxima de 2,5 litros por dia para homens e 2 litros para mulheres. 

No entanto, hoje sabe-se que “beber água de acordo com a sede sentida (seja quatro, seis, oito ou dez copos) fará muito mais sentido. Felizmente, o organismo humano produz uma sensação facilmente notada (que é a sede) que impele a ingestão de água quando necessário”, afirma José Agostinho Santos.-

Leia o resto deste artigo »

É Hoje o Dia Mais Pequeno do Ano

Publicado em Atualizado em

Penso que todos vocês já se depararam com a página do Google que, mais uma vez, celebra um acontecimento anual. Mas que acontecimento é esse?

Hoje é o primeiro dia do inverno, ou seja, o solstício de inverno e, como tal, é o dia mais pequeno do ano:

Hoje é o dia mais pequeno do ano

O dia só tem nove horas, mas pode ser razão para comemorar

 

Momento de festa ao longo da história à qual se associou a celebração do Natal, o solstício de inverno ocorre este sábado às 17:11, com o dia a ter menos de nove horas e meia de sol em Portugal.

Dia mais curto do ano celebrado com curtas-metragens.

Na Terra, o solstício de inverno no hemisfério norte e de verão no sul acontece precisamente às 17:11, quando o sol atinge a zona mais baixa no horizonte, como explicou à Lusa Carlos Santos, do Observatório Astronómico de Lisboa.

Naquele que é o dia mais pequeno do ano, o sol nasce um pouco antes das 08:00 e põe-se às 17:19 (referência a Lisboa).

Carlos Santos lembrou que o solstício é um momento, a partir do qual os dias vão de novo gradualmente a ser maiores no hemisfério norte, e que tem a ver com a inclinação do eixo da terra e não com a distância entre o planeta e o sol.

Aliás, disse, o momento em que a terra está mais próxima do sol, o chamado periélio, acontece no início de janeiro (em julho é o momento em que está mais afastada, o afélio).
O responsável explicou ainda que o solstício é fácil de observar («se olharmos para o sol todos os dias, ao meio dia veremos a descida dele no horizonte») e assinalado desde a antiguidade, havendo mesmo «monumentos megalíticos que estão orientados para o solstício».
«O Natal está relacionado com a cristianização de uma festa tradicional que tem a ver com o solstício», lembrou Carlos Santos, acrescentando que o momento simbolizava o renascimento ou o reinício, a festa do sol, o momento em que a luz vencia a escuridão e os dias iam voltar a ser maiores.

Na história não faltam referências à importância do solstício de inverno e ainda em 2012, faz hoje precisamente um ano, sacerdotes maias da Guatemala fizeram uma cerimónia para assinalar a data, considerada pelos maias como o início de uma nova era (21 de dezembro de 2012).

Em Portugal, uma tradição que ainda se mantém na zona de Bragança, dos caretos ou «festa dos rapazes», é uma «festa do solstício de inverno».
As festas pagãs que tradicionalmente se faziam para comemorar o solstício de inverno e honrar o sol terão, a partir do século IV, sido associadas ao Natal, uma festa cristã que assinala o nascimento de Jesus.

O inverno, que hoje começa, dá lugar à primavera a partir de março. Com ou sem festas pagãs ou religiosas, os dias vão, a partir deste sábado, voltar a crescer, até 21 de junho, quando se assinala a noite mais curta. Era na antiguidade o momento de celebrar as colheitas, conta a Lusa.

Fonte da Notícia: TVI24

Bem, a parte boa é mesmo o crescer dos dias. Não concordam? Não é triste/estranho ver o sol desaparecer por volta das 18/19 horas da tarde? A mim sim, especialmente porque a essas horas, estávamos possivelmente a aproveitar o verão.

#Viagem a #Londres – stress, malas, horários e confusões!

Publicado em Atualizado em

Bem, tirei este tempinho para vos falar de todo este dia que tem sido ansiado por todos nós para sairmos de Portugal e espairecer um bocadinho.
Neste momento posso dizer-vos que já subi ao meu quarto umas quatro vezes :algo que com este calor que temos tido em Leiria se resulta numa tarefa penosa.

image

As malas já estão feitas claro, mas existe sempre coisas a acrescentar como óculos de sol, carregadores, livros (sim, eu vou levar o livro de psicologia para estudar no avião!! ) o que interessa nisso tudo é que andamos a correr feitos doidos, já como dizia o Jerónimo de Sousa: “parece uma barata tonta “. Isto tudo porque temos que estar prontos às 15H e o stress e ansiedade tomam conta sempre da situação o que se torna difícil voltarmos a ter as rédeas.

Amanhã tentarei colocar aqui mais novidades ajudando aqueles que querem ou gostava de ir a Londres 🙂 posso dizer já que amanhã a nossa tarde sera passada na WarnerBros Studio Tour : the making of Harry Potter 🙂

ÚLTIMA HORA: JÁ TEMOS PAPA

Publicado em Atualizado em

 

  • 18H06 – Saída de fumo branco, que incialmente parecia acinzentado, mas que rapidamente assumiu a cor branca

DSC_3257[1]

625572_10151560605879104_1231693240_n

  • 18H23 – Emoção nas pessoas que esperam ansiosamente por poder conhecer e ver o novo papa, que será anunciado pelo Cardeal Jean-Louis na varanda da Basílica de S.Pedro;
  • Um conclave que ao segundo dia elegeu o sucessor de Bento XVI, que resignou no passado dia 28 de Fevereiro.

DSC_3259

  • 18H39 – Imagens vistas em direto é o que se vai vendo na comunicação social
  • Vemos as cerimônias da Guarda Suiça

1

2

34

5

  • Podemos ver como está o ambiente na Praça de S. Pedro

6

  • Emoções estão ao rubro com homens a chorar pela ansiedade e felicidade de conhecer o novo Papa:78
  • O nome poderá ser o seu nome em latim, o nome de um santo, ou um nome de um antecessor.

9

  • 19H – Os olhos estão todos postos na varanda, enquanto se espera pelo novo papa!

10

  • 19H05 – Aplausos e luzes acessas na varanda da Praça de S.Pedro

1112

13

  • 19H12 – O cardeal aparece na varanda!
  • Homem da América Latina, arcebispo de Buenos Aires é o novo Papa!
  • Francisco é o nome escolhido do novo Papa
  • Nasceu em 1936, é Argentino, é o novo chefe da igreja católica

1514

  • É um Jesuíta, o nasceu a 17 de Dezembro

16

  • 19H22 – O NOVO PAPA!
  • 19h24 – O Papa diz: “Boa Noite”
  • 19H25 – Ouvimos o Pai Nosso

O primeiro papa Jesuíta e Latino-Americano é TT no Twitter:

tt

  • 19H28 – Agradecimento, de Francisco I, ao Papa Bento XVI

“Sonda revela que pode ter existido vida em Marte”

Publicado em Atualizado em

Será que é desta que teremos 100% de certezas? Bem, nada melhor do que esperar, certo? Contudo, pelo que nos é dito na notícia poderemos ter alguma esperança de que, de facto, existam grandes certezas. Veremos:

Sonda revela que pode ter existido vida em Marte

por Helder RobaloSonda revela que pode ter existido vida em Marte

Os cientistas da NASA dizem que os testes sobre uma rocha de Marte mostram que o planeta poderia ter abrigado vida primitiva.

A análise foi feita pelo sonda Curiosity que, depois de perfurar na rocha, a esmagou e testou uma pequena amostra.

Numa conferência na sede da Nasa, em Washington, os cientistas da Nasa adiantaram que a rocha contém minerais de argila que se formaram num ambiente aquoso, ou seja, um ambiente que pode ser favorável há existência de organismos microscópicos.

Recentemente a Curiosity já tinha encontrado evidências de água em Gale. No final do ano passado, a sonda identificou os restos de um antigo sistema de leito do rio, onde a água terá fluído, talvez com um metro de profundidade.

“Encontramos um ambiente habitável, que é tão benigno e passível de suportar vida que, muito provavelmente, se existisse água e você lá estivesse poderia beber dela sem qualquer problema”, salientou John Grotzinger, um dos cientista que integra a equipa da Curiosity.

Fonte

Fumo Negro Saiu Esta Manhã

Publicado em Atualizado em

Ao que parece, do que li agora, duas horas após o início do Conclave, saiu fumo da chaminé da Capela Sistina… Fumo esse que era negro. Leiam a notícia, do Público:

Fumo negro na chaminé da Capela Sistina

12/03/2013 – 16:51

(actualizado às 18:54)

Cerca de duas horas depois do início do conclave, da chaminé da Capela Sistina saiu fumo negro. Votações continuam na quarta-feira

Os cardeais na Capela Sistina

No final da primeira votação do conclave que vai eleger o sucessor de Bento XVI, a chaminé colocada no telhado da Capela Sistina deitou fumo negro, sinal de que ainda não há o consenso necessário entre os 115 cardeais sobre um novo Papa.

Depois de caminharem em procissão desde a Capela Paulina até à Capela Sistina, onde entraram pelas 15h30, os cardeais prestaram um juramento de silêncio, que os impede de revelar qualquer informação sobre o que se passará durante todo o processo de eleição. Em conjunto, os prelados leram o texto de juramento em latim conduzidos pelo cardeal Giovanni Battista Re, prefeito emérito da Congregação para os Bispos. Em seguida, cada um dos cardeais selou o compromisso de sigilo lendo uma curta frase e colocando a mão direita sobre a bíblia.

Pelas 16h35, monsenhor Guido Marini, mestre das Celebrações Litúrgicas Pontifícias, disse em voz alta e forte a expressão em latim extra omnes (saiam todos). Oficiais, religiosos e jornalistas abandonaram a capela. No seu interior ficaram isolados os 115 cardeais e o conclave teve início. Duas horas e onze minutos depois do início do conclave surgiu o resultado da primeira votação. Uma densa nuvem de fumo negro era visível no telhado da capela, um resultado que já era esperado por muitos. A eleição do próximo Papa não deverá prolongar-se por muito tempo. Prevê-se que até ao final da semana seja anunciado o nome. O próprio porta-voz do Vaticano, Federico Lombardi, admitiu que o processo eleitoral “deverá bastante rápido”.

Ler Mais