sol

+Ciência: “Mancha solar com dez vezes o tamanho da Terra ameaça rádios, satélites e GPS”

Publicado em Atualizado em

Aqui está algo com que não se brinca e que é assustador pela escassez de dados de uma possível erupção solar. Cá fica a notícia:

Mancha solar com dez vezes o tamanho da Terra ameaça rádios, satélites e GPS

Mancha solar com dez vezes o tamanho da Terra ameaça rádios, satélites e GPS

Uma mancha solar com dez vezes o tamanho do planeta Terra foi detectada na superfície do sol e ameaça os sistemas de comunicações como os transmissores de rádio, os satélites e os GPS.

A «AR 1654» surgiu há dois dias e deve permanecer por mais alguns no sistema solar, provocando ondas de calor ainda mais intensas que o Sol.

Segundo o National Oceanic and Atmospheric Administration (NOAA) a «região activa 1654» está a produzir «camadas de classe M1», numa escala que se mede com as letras A, B, C, M e X (da menor para a maior).

As manchas solares são regiões magneticamente activas da fotosfera que originam grandes explosões para o espaço interplanetário. No entanto, a Terra não está em perigo.

O NOAA previu para hoje 10% de camadas de classe X (x-flares), mas apenas serão afectados sistemas de comunicações como os transmissores de rádio, os satélites e os GPS.

O Observatório de Dinâmica Solar da NASA manifestou preocupações relativamente à mancha que se estende ao longo de dezenas de quilómetros do território solar, mas os astrónomos asseguram que monitorizarão de perto a AR 1654 e o seu crescimento.

Vídeo e Fonte

Espiral–#Universo

Publicado em Atualizado em

Aqui fica uma notícia que partilho diretamente com vocês, não na totalidade, claro, respeitando a fonte:

Espiral misteriosa descoberta em redor de estrela

Espiral misteriosa descoberta em redor de estrela

Foto © ESO

Um grupo de astronómos do Observatório Europeu do Sul (ESO), que Portugal integra, acaba de anunciar a descoberta de uma estrutura em espiral “totalmente inesperada” em torno de uma velha estrela, a R Sculptoris. O trabalho é um dos primeiros resultados científicos do telescópio ALMA e vai ser publicado esta semana na revista Nature.

De acordo com comunicado do ESO, esta é a primeira vez que uma tal estrutura, juntamente com uma concha esférica exterior, é encontrada em torno de uma estrela gigante vermelha. Além disso, é também a primeira vez que os astrónomos conseguem obter informação completa a três dimensões de uma espiral do género, o que foi possível graças à elevada tecnologia do Atacama Large Millimeter/Submillimiter Array (ALMA), o mais poderoso telescópio deste tipo do mundo.

Continuem a ler, e a descobrir e perceber mais destes mistérios do universo profundo.

Imagem de Escala–NASA

Publicado em Atualizado em

Ontem no facebook, a NASA colocou esta imagem de escala super e completamente fantástica! Ora vejam

320217_413382952042267_640217549_n

Proteção Contra o Nosso Sol

Publicado em

É mesmo verdade, e penso que todos têm estado ocorrentes das várias explosões do Sol neste ano. Para os que não sabem são explosões muito graves que ao atingirem a Terra poderemos ficar sem comunicações o que é crucial nos dias de hoje. Milhares de satélites danificados o que nos deixa completamente isolados do mundo atingindo também a eletricidade.

Existe já um país que foi atingindo á alguns anos e ficou assim, e o que os cientistas disseram era que se conseguissem prever, poderíamos desligar a energia e depois voltar a ligar… Veremos o que acontece.

Nasa lança satélites para ajudar a Terra a se proteger do Sol

A agência espacial norte-americana, Nasa, lançou na madrugada de hoje (30) um foguete do Cabo Canaveral, na Flórida, nos Estados Unidos, com dois satélites para monitorar a órbita da Terra. Os satélites vão analisar o cinturão de radiação que cerca o planeta. Cada satélite contém uma capa de alumínio para protegê-los dos raios cósmicos. Os satélites percorrerão a órbita em volta da Terra, de forma enfileirada.

É a segunda missão da Nasa denominada Living With Star (LWS), cuja a tradução livre para o português é Vivendo com a Estrela. A finalidade é analisar os aspectos do sistema do Sol com a Terra que afetam a vida e a sociedade no planeta. Os detalhes estão no site da Nasa.

O chefe da missão na Nasa, John Grunsfeld, disse que a expectativa é que os satélites ajudem na criação de planos para proteger a Terra de tempestades solares, explosões no Sol que liberam uma grande carga de partículas e interferem no funcionamento de satélites, meios de comunicação e colocam astronautas em perigo durante viagens no espaço.

“As informações coletadas por essas sondas beneficiarão o público, pois permitirão melhor proteção dos satélites e ajudarão a entender como o clima espacial afeta as comunicações e a tecnologia na Terra”, disse Grunsfeld.

O cientista Barry Mauk, da Universidade Johns Hopkins Laboratório de Física (APL), ressaltou que os satélites da missão são de alta precisão e abrangência. Segundo ele, será possível prever os níveis de radiação, por exemplo.

#Fotografia : Momento de Regar a Relva

Publicado em Atualizado em

Ontem, contrariado, fui regar a relva. Apesar de contrariado, não quer dizer que não goste de regar até porque adoro água! Hahahaha, especialmente quando fica bem em fotos!

Ora vejam…

(a primeira tem um efeito do instagram)

IMG_20120827_195644DSC_0974

Foto original da primeira fotografia!

IMG_20120828_172252

DSC_0963